segunda-feira, 29 de outubro de 2012


Ontem foi um dia cheio de “notícias”. Tanto escritas como televisionadas. De entre tantas elas vou salientar algumas das muitas que me deixaram a pensar. Não em mim ou na minha mulher, mas nas minhas netas e nas netas e netos dos meus amigos. O que será que Portugal tem reservado para eles? Será que irão ter uma vida melhor? Será que os valores morais e éticos farão ainda parte da sua vida? E foi aqui que o sono resolveu não chegar. Após várias passagens de memória aqui vão algumas dessas “notícias”;

a)    Uma televisão confirmou ter 500 ou 600 mil espectadores que pagam e bem para assistirem online a uma casa com segredos!!!

b)   Uns iluminados “a bater os pés” para que o canal 1 dê futebol em directo, afirmando que isso é que é um serviço público!!!

c)    Portugueses que se deslocam 300 e 400 km para (pagando,claro) fazerem um passeio de barco para poderem estar perto, ver e fotografar as casas de Jorge Mendes e de Cristiano Ronaldo!!!

d)   A abertura de creches a partir das 19 horas até às 2 da manhã para que os pais dessas crianças (coitadas) possam ir jantar fora e festejar com os amigos!!!

e)   Além da tal crise financeira palpita-me que o pior é esta. UMA CRISE DE VALORES.

domingo, 28 de outubro de 2012


Realizou-se hoje a Festa do Acolhimento das crianças de Peniche que frequentam o 1º ano da Catequese e que assim vão iniciar uma nova etapa nas suas vidas. Os pais e catequistas presentes, assumiram o compromisso na educação da Fé nestas crianças. Este desafio tem a particularidade de ter sido feito numa altura em que, a comunidade paroquial vive este ano pastoral, como o Ano da Fé.











sábado, 27 de outubro de 2012

 Será uma nova maneira de alguém se exprimir? Pelos vistos, está a tornar-se um (mau) hábito.



Nem sempre recordar é viver. Que o digam os dois Penicheiros que a 11 de Julho de 1973 foram as primeiras pessoas a prestar ajuda na retirada de pessoas e de corpos do B707 PP-VJZ que sofreu um acidente junto do aeroporto de Orly – Paris. Nunca é tarde para, pessoalmente, homenagear estes Homens que tiveram a coragem de se aproximarem e ajudarem. Eu próprio tive alguma dificuldade em relembrar este acidente. A razão dessa dificuldade foi o trazer-me à memoria o que se passou depois a 30 de Janeiro de 1979 com o B707-323C que, por razões nunca determinadas, num voo entre Tóquio e Rio de Janeiro, fazendo uma escala intermédia nos E.U.A.  É conhecido por ser o maior mistério da história da aviação e o único avião civil comercial que desapareceu sem deixar vestígios até os dias de hoje. A correlação entre estes dois acidentes deve-se ao facto de o Comandante dos aviões ter sido o mesmo em ambos os acidentes. O saudoso Cmt Gilberto Araújo da Silva.

p.s. Obrigado Manuel Sales.


 

 

sexta-feira, 26 de outubro de 2012


O antes e o depois. O antes, podemos observar graças às fotos de Setembro de 1954 do Fernando Engenheiro que as guardou religiosamente e que são relativas às obras efectuadas na limpeza (quase manual) do fosso. O depois, são as novas tecnologias que me permitiram fotografar as actuais obras de limpeza do mesmo fosso para, seis décadas depois, podermos fazer uma comparação.









quinta-feira, 25 de outubro de 2012


De uma vez por todas temos que incentivar as nossas autoridades locais e ambientais para a protecção e manutenção do cordão dunar em Peniche. A exemplo do que há muito se fez, tanto na Lagoa de Óbidos como na zona delimitada por Salir do Porto  e  São Martinho do Porto. Ambos tiveram preocupações ecológicas e sentido de preservação do sistema dunar, não impedindo, antes pelo contrário, incentivando as populações a fazer os seus passeios pedonais pelos passadiços  sobre as dunas. Com a colocação desses passadiços, ficou muito mais apelativo para os jovens e os idosos fazerem, nesse espaço, as suas caminhadas ao longo das dunas e do mar. Assim, beneficiam as populações e o ambiente.




 

Memórias

Foi em 2000-01-30 que num regresso a Peniche, estive mais de trinta minutos parado com o “Pássaro do Sol” a 1n.m. do Cabo Carvoeiro, “cercado” por um tubarão frade (Cetorhinus maximus) com o mesmo comprimento da embarcação em questão ( 7 mts ). Este é o segundo maior tubarão a seguir ao tubarão baleia (Rhincodon typus). Mal eu sabia o quanto inofensivo ele era. Valeu o susto.







quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Mesmo com nevoeiro

Vou iniciar este blog com algumas imagens de Peniche debaixo de intenso nevoeiro.








Mesmo coberta de nevoeiro, Peniche estava maravilhosa.