quinta-feira, 25 de maio de 2017

AULA DE ARQUEOLOGIA NA PAPOA.


Hoje, os alunos da Universidade Sénior de Peniche tiveram a sua aula de Arqueologia, História Local e Património num dos locais mais emblemáticos de Peniche, a Papoa. Acompanhados pelos Professores Adriano Constantino e Inês Lourenço começamos junto ao “Filtro”, onde de falou dos vestígios das baterias militares ali existentes e do Cemitério dos náufragos do São Pedro de Alcântara. Continuamos em direcção ao local onde este navio naufragou e explicaram-nos os trabalhos que à época foram feitos e dos primeiros trabalhos de Arqueologia Marítima ali executados. A importância deste local é de tal grandiosidade que, em Portugal Continental, é o único local onde o mergulho é proibido, a não ser que haja uma autorização especial da Autoridade Marítima. Um pouco mais ao lado outro local extremamente importante e esquecido por quem tinha o dever de o preservar; o local onde naufragou o vapor de carga francês Henry Mory. Resta apenas uma maltratada laje a assinalar o local. Mais à frente o Forte de Nª Sª da Luz. Aqui a degradação é total. Infelizmente o nosso riquíssimo património cultural está a desaparecer a olhos vistos. Por aqui Cultura só empacha.













 

NOVO SINAL DE PERIGO.

Após terminada a obra, entrou hoje em vigor em Peniche o novo sinal vertical de indicação de perigo. Aguarda-se a todo o momento a correcção nos livros de código.

 

quarta-feira, 24 de maio de 2017

IP6 - FINALMENTE SOLUÇÃO À VISTA.

É com muita satisfação que, em relação à minha chamada de atenção para a situação do IP6 no Vale do Olho Marinho, partilho convosco a resposta recebida de Sónia Figueira, Directora da Infraestruturas de Portugal e que transcrevo na íntegra;

Sr. Carlos Tiago

Na sequência da reclamação apresentada no dia 20-05-2017, a Infraestruturas de Portugal, S.A. tem a informar que os assentamentos no troço do IP6 localizado na proximidade do viaduto de Olho Marinho devem-se a diferentes características do subsolo, nesta zona localizada, relativamente ao restante vale.
Era expectável que os assentamentos que se começaram a verificar estabilizassem com o tempo. Porém tal não se verificou, tendo inclusivamente aumentado a frequência com que ocorriam.
Face a esta situação não iremos executar mais reparações, como as dos últimos anos, mas iremos desenvolver um projeto, para a implementação de uma nova solução que procure resolver em definitivo as anomalias neste pequeno troço do IP6.

Aproveitamos para agradecer o seu contacto, lamentando o transtorno causado, sendo que continuaremos a trabalhar no sentido de garantir a melhoria do serviço prestado.

Com os melhores cumprimentos,

Sónia Figueira
Diretora
(Ao abrigo da subdelegação de competências conferida pela Decisão DCN 01/2015)








 

COBERTURAS POLUENTES.

Segundo notícias recentes a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo vai lançar um concurso para obras a efectuar no Centro de Saúde e no Hospital de Peniche. Estas obras, no valor de 1 milhão e trezentos mil euros, para estarem concluídas em 2018, leva-me a acreditar que é desta vez que os telhados em fibrocimento ali existentes vão, de uma vez por todas, serem retirados, para bem da saúde de todos os que frequentam aqueles serviços, em particular, para aqueles que diariamente ali trabalham.




 

terça-feira, 23 de maio de 2017

UNIVERSIDADE SÉNIOR NO FORMAR.

O Prof. Adriano Constantino levou os seus alunos da Universidade Sénior de Peniche, que frequentam a aula de Identidade Marítima de Peniche, a conhecer o FORMAR – Peniche. São inúmeras as Áreas Formativas deste Centro de Formação Profissional das Pescas e do Mar, de entre as quais destaco, a formação e avaliação de competências legalmente requeridas a nível nacional e internacional, para todos aqueles que pretendem exercer actividades ligadas ao mar e não só. Obrigado ao Formar, ao Cmt Luís Grilo e ao Prof. Adriano.













 
 

segunda-feira, 22 de maio de 2017

FESTA DAS PROMESSAS.

Ontem na Igreja de S. Pedro os Escuteiros do Agrupamento 512 de Peniche viveram a sua tradicional Festa das Promessas. A Santa Missa foi presidida pelo nosso Prior, Padre Diogo Correia, também ele Escuteiro. Foram Promessas convictas que estes jovens fizeram, as Promessas de cumprirem os seus deveres para com Deus, a Igreja e a Pátria, auxiliar o seu semelhante e obedecer à Lei do Escuta.